AngolaNOTICIA TECNOLOGIA

MTTICS aposta na criação de condições para um ciberespaço seguro

O Ministério das Telecomunicações, Tecnologias de Informação e Comunicação Social prevê, para breve, a criação de um ciber espaço seguro para dar resposta aos desafios das novas tecnologias de informação.

O Ministério das Telecomunicações, Tecnologias de Informação e Comunicação Social prevê, para breve, a criação de um ciber espaço seguro para dar resposta aos desafios das novas tecnologias de informação.
O “ciber espaço” é o ambiente criado de forma virtual através do uso dos meios de comunicação modernos destacando-se, entre eles, a internet. Este ambiente tornou-se possível graças a uma grande infraestrutura técnica na área de telecomunicação composta por cabos, fios, redes, computadores, etc.
A informação foi avançada hoje, quarta-feira, 6 de Outubro, pelo Secretário de Estado das Telecomunicações e Tecnologias de Informação, Mário Augusto, durante o discurso de abertura do workshop sobre “Investigação corporativa e segurança cibernética em Angola”, promovido pela empresa Cyber Secur e a SP Midia.
Segundo o governante, a protecção do ciber espaço tornou-se num dos maiores desafios do século XXI,  assim há necessidade de ser protegido, visando criar condições para que a economia, investimentos públicos e privados,  segurança nacional e infra-estruturas como da energia, banca e telecomunicações possam de facto ser um contributo para o desenvolvimento social do país e proporcionar um bem estar as populações.
No mundo actual,  prosseguiu, impulsionado pela tecnologia que o cenário das ameaças cibernéticas estão em constante evolução,  proteger os dados, redes e navegar em segurança passa a ser uma necessidade absoluta. “A lista de possíveis ameaças pode parecer infinita e muitos ataques cibernéticos considerados distantes da nossa realidade podem estar mais próximos do que pensamos,  os relatos e evidências de ocorrência de incidentes e  também as causas têm vindo a aumentar ao longo dos anos, identificado a existência de perdas e prejuízos avultados para as empresas com algum sério impacto nas suas actividades e aonde em grande parte das vezes os cidadãos e os estados são afectados, colocando em perigo em certo ponto a segurança das Nações”, disse.
Explicou que actualmente, o acesso massificado das tecnologias de informação colocam os agentes económicos em situações de maior vulnerabilidade, pelo que a transformação digital, em especial o ciber espaço, acrescenta uma difusão de poderes entre os múltiplos actores aonde a sociedade e as suas economias dependem cada vez mais da tecnologia e de plataformas de comunicação, como a internet, e as políticas públicas adquirem um papel de destaque na prossecução do bem-estar e da protecção do estado.
No workshop, com término previsto para quinta-feira, estão a ser debatidos temos como a cibersegurança e as políticas públicas, engenharia social, inteligência cibernética em processos investigativos e a perícia digital.

Ajude-nos a crescer, visite SENASNERD no Twitter FacebookInstagram . e deixe o seu gosto, para ter acesso a toda a informação em primeira mão. E se gostou do artigo não se esqueça de partilhar  com os seus amigos.

SUBSCREVA-SE NO CANAL YOUTUBE SENASNERD

Domingos Massissa

Estudante de Engª Informática, editor do portal amante do mundo NERD, onde engloba cinema tecnologia e Gamers.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Botão Voltar ao Topo