Africa

Nigéria nega emissão de licenças 5G

O ministro das Comunicações e Economia Digital, Dr. Isa Pantami, disse em comunicado que sua atenção foi atraída para as preocupações do público levantadas com relação aos riscos à saúde da tecnologia.

“A atenção do meu escritório foi atraída para a preocupação pública sobre as implicações para a saúde da implantação das redes móveis de quinta geração (5G) na Nigéria. Com base nos registros disponíveis no meu escritório e no relatório anterior recebido do regulador, eu gostaria para esclarecer o seguinte:

“O Conselho Nacional de Gerenciamento de Frequência (NFMC), do qual eu sou o Presidente, não deliberou ou liberou nenhum espectro de frequência em massa para a implantação do 5G;

“Nenhuma licença foi emitida para a implantação do 5G no país;

“Um estudo de estudo de três meses começou em 25 de novembro de 2019 para analisar e estudar criticamente as implicações de saúde e segurança da implantação do 5G na Nigéria;

“Como parte do processo de avaliação do estudo, direcionei a Comissão de Comunicações da Nigéria (NCC) para garantir que uma equipe de especialistas, agências de segurança e outras partes interessadas participasse totalmente do processo de avaliação, e meu escritório também convidou essas agências para participar da avaliação; eo processo experimental foi concluído e o processo de estudo e elaboração de relatórios está em andamento “, afirmou Pantami.

Ele disse que o presidente Muhammadu Buhari valoriza o bem-estar, a saúde e a segurança dos nigerianos, acrescentando que, como tal, o desejo de avanço tecnológico nunca estará à custa da saúde e do bem-estar de nossos cidadãos.

Pantami disse: “O governo não vai agir apenas com base nas especulações, mas tomaremos uma decisão informada sobre o 5G após a devida consulta com especialistas e o público. Eu também instruí o NCC a envolver os cidadãos em quaisquer dúvidas ou preocupações que possam ter em relação a 5G.

“Desejo agradecer ao público em geral por nos contatar sobre esse assunto. Aconselhamos a todos que tenham a certeza de que o governo sempre levará em consideração o bem-estar, a saúde e a segurança do público, considerando a implantação de qualquer tecnologia”.

Domingos Massissa

Estudante de Engª Informática, editor do portal amante do mundo NERD, onde engloba cinema tecnologia e Gamers.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Botão Voltar ao Topo