CiberSegurançaNOTICIA TECNOLOGIA

O Google Chrome agora bloqueará todos os pop-ups de sites ofensivos

Notificações abusivas podem ser usadas para espalhar malware ou roubar credenciais do usuário

Com o lançamento do Chrome 86 no início deste mês, o Google agora está ocultando automaticamente pop-ups em sites que exibem conteúdo de notificação abusivo aos visitantes.

O gigante das buscas introduziu pela primeira vez sua “interface de usuário de permissão de notificação completa” no Chrome 80 e mais tarde foi aprimorada no Chrome 84 quando a empresa começou a inscrever automaticamente sites em seu sistema anti-spam de notificação que usam padrões enganosos para solicitar permissões de notificação.

Na versão mais recente do Chrome, a nova aplicação se concentra no conteúdo de notificação e é acionada por sites que têm um histórico de envio de mensagens a usuários em notificações que contêm conteúdo abusivo. Por exemplo, alguns sites usam notificações da web para enviar malware ou para representar mensagens do sistema em um esforço para obter as credenciais de login do usuário.

Agora, quando os usuários visitam um site conhecido por enviar notificações intrusivas, eles serão bloqueados automaticamente no desktop enquanto estão no celular, um pop-up do Chrome aparecerá informando que “Este site pode estar tentando enganá-lo para permitir notificações intrusivas”. No entanto, os usuários de desktop também podem visualizar essa mensagem clicando no ícone de sino riscado na barra de endereço. Os usuários terão a opção de fazer com que o Chrome continue bloqueando notificações de um site, embora também possam permiti-las se acreditarem que o site é seguro.

Notificações abusivas

Para descobrir quais sites estão abusando das notificações, o Google usará seus rastreadores automatizados da web para se inscrever para receber notificações push em sites da web. As notificações enviadas a essas instâncias automatizadas do Chrome serão avaliadas quanto a conteúdo abusivo usando a tecnologia de Navegação segura da empresa . Todos os sites que enviarem notificações abusivas serão sinalizados para aplicação se o problema não for resolvido.

Os proprietários de sites podem evitar que suas notificações sejam bloqueadas usando o relatório de notificações abusivas do Search Console para descobrir se o rastreador da web do Google detectou qualquer comportamento de notificação abusivo em seus sites.

Ao mesmo tempo, porém, a empresa notificará os proprietários de sites registrados por e-mail 30 dias antes do início da aplicação para que eles possam resolver quaisquer problemas de notificação abusiva e solicitar que seus sites sejam revisados ​​novamente.

Embora as notificações de sites no Chrome possam ser úteis, elas também podem ser facilmente abusadas. No entanto, graças às novas políticas de aplicação do Google, os usuários têm menos probabilidade de ter malware instalado em seus sistemas ou de ter suas credenciais roubadas quando visitam sites menos confiáveis.

Via BleepingComputer


Ajude-nos a crescer, visite SENASNERD no Twitter FacebookInstagram . e deixe o seu gosto, para ter acesso a toda a informação em primeira mão. E se gostou do artigo não se esqueça de partilhar  com os seus amigos.

SUBSCREVA-SE NO CANAL YOUTUBE SENASNERD

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo